Filme: Bohemian Rhapsody - O Filme



FALA DISCONCENTRADOS!

Se você acompanha o Disconcentra há algum tempo ou chegou aqui pelas minhas redes sociais pessoais, sabe que eu sou fã da banda Queen e muito pela influência do meu pai.
Eu desde pequenininha cresci ouvindo musica. Meu pai sempre gostou de ouvir várias bandas de rock dos anos 80 e entre tantas: Queen. Além de músicas, minha infância e adolescência foram recheadas de histórias e a mais marcante foi a aventura dele no Rock in Rio, em 1985. Entre tantos shows incríveis, ele estava lá quando a multidão cantou "Love of My Life" no festival e sempre em contou sobre o show. 

Imagem: Registro Pessoal  - Banda Queen | Rock in Rio 2015 | 18.09.2015
Em 2015 fui para o Rock In Rio, para viver um momento como o do meu pai. Foi tão emocionante, rolou até um especial aqui no blog (clique aqui). Hoje (29), a convite da Fox Films, eu fui na cabine de imprensa de Bohemian Rhapsody - O filme em São Paulo. Assisti em primeira mão o filme, numa sala IMax lotada de jornalistas e críticos de cinema. O filme começou e me esqueci que estava ali a trabalho. 

Antes de mais nada, quero parabenizar a Fox Films por um Trailer sem spoilers! Agora sim, vamos ao filme:

Fiquei impactada logo no começo do filme, a primeira cena fez meu coração disparar.O longa todo segue essa linha do emocional, com um roteiro que apresenta a trajetória da banda, suas experimentações musicais e um viés pessoal do Freddie Mercury mostrando o gênio que conhecemos dos palcos, mas também as fragilidades, carências e sensibilidades de uma forma que não imaginava, mas também, sem destruir a lenda que ele era. O roteiro ainda se encarrega de relembrar shows históricos da banda, incluindo o do Rock in Rio de 85, de uma perspectiva que te faz se sentir dentro do longa.



Sigo chocada com a semelhança no longa do ator que interpretou o Brian May, Gwilym Lee e do Brian May real.

Um espetáculo digno da realeza que a banda carrega no nome, com uma performance brilhante do Rami Malek, uma arte fantástica, desde a caracterização da banda até os figurinos da figuração. Uma composição de elementos que se encaixam com a fotografia que opta por planos e enquadramentos - em alguns momentos - não muito usuais para um filme como tal. 

Algo que gostei muito de ver nesse filme, foi a cumplicidade entre os integrantes e como eles apostavam no mesmo sonho, nos mesmos rumos e tinham a certeza do que queriam, sem se preocupar com a industria musical. Algo que sinto falta nas bandas atuais e que com certeza era um dos diferenciais do Queen.


Não podemos deixar de comentar a trilha sonora do longa, obviamente, toda composta por músicas do Queen, mas o que me chamou atenção, foi a escolha do momento de cada canção. Começa com a releitura da música tema da produtora do longa 20th Century Fox, que ganha uma pegada mais Queen. As demais músicas da trilha musica, são um casamento perfeito com a condução das imagens e do roteiro, marcado por versões no piano, ao vivo, em estúdio, mostrando as faces versáteis da banda. Dá um play a na playlist!




Em suma, é um filme digno da Majestade de Queen. É um filme para Fã que quer reviver aqueles momentos emocionantes e terem a oportunidade de se sentirem (novamente) num show. Recomendo aos pais que queiram mostrar aos seus filhos, assim como meu pai fez comigo a vida toda, o que foi/é a banda Queen e toda sua majestade. (Verifiquem a classificação indicativa do longa). 

Após a cabine, fomos ao Allianz Parque onde nessa terça-feira, dia 30, irá ocorrer o Bohemian Rhapsody - Celebration Experience, onde os fãs poderão assistir o longa em primeira mão e ainda assistir um show da banda Malta e do Frejat. Com uma grande estrutura para receber cerca de 4 mil espectadores, tivemos a oportunidade de conversar com a banda Malta e eles estão muito felizes e com um repertório todo dentro da discografia do Queen. uma homenagem de fãs pra fãs.





Não deixe de assistir o filme que está demais! Dia 1 de novembro estreia em cinemas de todo o pais e eu levarei meu pai comigo para vivermos juntos mais essa experiencia musical. Deixo vocês com esse trailer brilhante - sem spolier - para dar aquela aguçada. Não esqueçam o lencinho, porque é emocionante! 



Deixem nos comentários qual a expectativa de vocês para o filme! 

- Luiza Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário