Não ganhei na Loteria e agora?

5... 4... 3... 2... 1... 
Feliz Ano Novo Disconcentrados!

Primeiro dia útil de 2016 e achei que vocês mereciam um post especial! Eu escrevo textos e pelo que me lembro, não postei nenhum deles aqui... Então pra começar o ano, vocês vão conhecer um novo lado meu! Espero que vocês gostem e não esqueçam de compartilharem esse textinho de ano novo e comentarem! 



Todo ano quando chega dezembro, vejo todos irem com sua meia dúzia de números até uma Lotérica para tentar a sorte na grande "Mega da virada". Confesso que me animo tanto que escolho os meus 6 números, busco uns trocadinhos no fundo da carteira torcendo muito pra sorte ser minha e eu não ter desperdiçando o dinheiro que poderia ser pra alguma outra coisa. Claro, agradeço a Deus e aos meus pais por eu não estar TÃO necessitada aqueles 3,50 que serão gastos!

Entro na fila, faço minha aposta. Já sou de maior, eu posso! Ali na longa fila fico pensando o que cada um faria se ganhasse aquele dinheiro todo, quem sabe eu não estou ao lado do próximo milionário? Quem sabe eu não sou essa tal milionária?

O próximo da fila é um senhorzinho de cabelo branco, com vários jogos em mão. Papes marcados a caneta e números escolhidos a dedo. Ele entrega seus variados jogos para a moça que estava atrás do balcão, mas aquele folhetinho que se repetia na mão de todos os que estavam ali fica em sua mãos. Posso ouvi-lo falar alto com a moça, tentando parecer um sussurro que sua possível perda de audição causara "Esse é pra virada! Eu vou ficar rico e poder ajudar toda a minha família, viajar com a minha "velha"  e ainda dar um pouco pra que precisa!" .

O senhor de cabelos brancos e pele enrugada me faz pensar, o que eu vou fazer com aquele dinheiro todo? Começo a fazer minha lista de coisas mentais até chegar a minha vez. Aposta feita e agora é só esperar o grande sorteio!

Chegado o grande dia! Preparem os tambores, os brindes e a festa porque teremos uma nova milionária por aqui! " Os números sorteados são..." cri, cri, Cri! Apenas dois números e lá se foi  minha chance do dinheiro  sonhado pra 2016, Mas... Não ganhei na loteria e Agora?!

Naquela fila eu tinha decidido que com aquele dinheiro eu ia mudar de vida. Eu ia acordar mais cedo pra aproveitar ele melhor, ia viajar muito mais, levaria minha família para visitar lugares diferentes, compraria novos equipamentos de trabalho, daria uma festa pros meus amigos, ajudaria algumas pessoas que precisavam... e por ai seguia a longa lista, mas Não ganhei na loteria!

O resultado nunca se dá a meia-noite, é antes pra caso você fique milionário já comece o ano comemorando, porém, como esse não foi o meu caso, eu fui curtir com minha família e alguns amigos que vieram em casa. Traje tipo de ano novo: Branco e dessa vez coloquei um amarelinho, vai que ajudava a riqueza achar seu caminho.

Contagem regressiva. Aqueles  10 segundos que você só tem tempo de agradecer uma ultima vez aos céus o ano que passou, e no instante seguinte, o relógio zera, você agradece o ano que está começando. Abraça a pessoa mais próxima de você e grita "FELIZ ANO NOVO!". Obviamente que você prolongou o ultimo "O" e as vezes sem palavras desejou tudo de bom para pessoa envolvida nos seus braços enquanto o "O" seguia. E isso se repetiu várias vezes. Com conhecidos. E desconhecidos também. Os celulares começam a dar sinal de vida, ou melhor, de outras vidas querendo te desejar que o seu novo ano seja melhor! Claro, seja melhor, sem ser rico!

Champanhe estoura - não precisar ser absurdamente cara, a graça é soltara  rola, fazer aquele barulho de "estourar champanhe" e brindar a alegria que esse ano já trouxe. Que comece a ceia.  Pratos em mãos e "ATACAR!" .  Conversa vai, conversa vem e você começa a se pensar o que vai fazer sem ter ganhado na loteria. O que vai fazer sem aquela ajudinha extra? Olha em volta de você. Família, amigos, comida, alegria, brindes e mais brindes... Garota, você tem certeza que não ganhou na loteria?

Naquela fila com o jogo em mãos, na famosa fézinha de virada, tudo se resumia em ter dinheiro pra proporcionar momentos de alegrias com a família e os amigos. Mas, quem precisar ganhar na loteria? Era só eu olhar meus primeiros minutos do ano que acabou de começar: Minha família reunida, meus amigos também comigo, todos brindando alegres a vida e o ano...que mais eu posso querer?

Claro que uma "graninha extra" na conta bancaria não seria dispensada facilmente, mas dinheiro a gente trabalha e conquista. Pensando bem, vamos manter aquela listinha de "O que fazer com meu dinheiro da Mega?". Uma pequena alteração, por favor! O nome. É o nome dessa listinha não cabe mais a ela. Vamos pensar em algo bom... Já sei! "Realizações para 2016!"

Recapitulando a listinha "Realizações para 2016!"
* Acordar mais cedo, pra aproveitar melhor a vida
* Viajar
*Ir visitar lugares novos com a minha família
*Comprar um novo equipamento de trabalho
* Fazer uma festa com meus amigos
* Ajudar quem precisa.

É pensando melhor e vendo a base da minha listinha rabiscada no verso cheios de letras de um jogo de loteria, acho que -mesmo com um novo nome - eu vou cumprir todos os meus planejamentos, afinal, eu ganhei SIM na loteria! Tenho minha família e amigos comigo para dividir alegrias e brindar esse ano novo. O que mais eu posso pedir?

Texto de Luiza Melo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário